Get Adobe Flash player

O significado místico da Páscoa nos remete a um dos mais importantes Ritos de Passagem que a maior parte das Tradições Religiosas celebra desde tempos imemoriais.

O ser humano tem a necessidade imperiosa de transcender, de buscar a Luz da qual um dia emanou. De retornar ao seio do Pai e levar o fruto da sua experiência.

Passar... Atravessar o portal que nos conduz às diferentes dimensões do SER. Habitar o corpo, entender e vivenciar o Mistério da VIDA e da MORTE transformar-se para agir e agir para se transformar, eis o chamado da Páscoa.  

PÁSCOA: morre Cristo na Cruz: CONSUMATUM EST! Palavra de vida que ressoa até o presente mostrando-nos que o sacrifício desse Excelso Ser, que culminou em crucificação, foi consumado mais uma vez. A Humanidade pode continuar seu processo evolutivo. O Salvador do mundo se ofereceu como Cordeiro a ser imolado e Seu Sangue puríssimo, derramado no Calvário, “re”-vitaliza anualmente esse processo possibilitando nosso crescimento anímico.  

Gratidão eterna é a que devemos ao amado Mestre, Jesus-Cristo, pelo imenso serviço prestado, e somente sendo conscientes desse fato é que assumiremos o compromisso de somar-nos ao exército de Paz que realiza o serviço de manter as condições necessárias para o nosso desenvolvimento espiritual.

É nosso desejo que nesta Páscoa, nesta passagem, possamos honrar o compromisso de colaborar com o Cristo na sua árdua tarefa, para permitir que o grito de LIBERDADE seja uma realidade para Ele e uma conquista para nós.

 

Uma ótima Páscoa e ressurreição.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar