Respirando a vida

Filosofia, Saúde | 30/04/2020

Como você está respirando a vida? 

Já prestou atenção nos frutos da sua respiração hoje?

Entre outros fatores, os estudos sobre fisiologia da respiração no corpo humano nos ensinam que, ao inspirarmos e expirarmos, nosso corpo realiza trocas gasosas e sofre reações metabólicas, de modo que respirar corretamente pode nos ajudar, por exemplo, a melhorar a circulação sanguínea e a oxigenação do cérebro.

A consciência dessas poucas informações já seria suficiente para nos motivar a dar mais atenção a esse processo, mas os Ensinamentos da Sabedoria Ocidental podem nos colocar diante de um panorama muito maior, o qual se estende para além da responsabilidade com o nosso corpo físico, pois mostram que a respiração também influencia no desenvolvimento da nossa Alma.

Em primeiro lugar, podemos dizer que o ar à nossa volta está permeado de Éter, de modo que, ao respirarmos, esse Éter entra em nosso organismo e grava as imagens dos acontecimentos em nosso coração.

“Conforme o sangue passa pelo coração, ciclo após ciclo, hora após hora, durante toda a vida, vai gravando nos átomos-sementes as imagens que transporta enquanto são recentes. Prepara assim um arquivo fidelíssimo da vida, que depois na existência post-mortem, imprimir-se-á indelevelmente na alma. O coração está permanentemente no mais estreito contato com o Espírito de Vida, o espírito do amor e da unidade, o que o torna o lar do amor altruísta.

Ao passarem ao Mundo do Espírito de Vida, no qual se encontra a verdadeira Memória da Natureza, essas imagens não são veiculadas pelos lentos sentidos físicos, mas diretamente pelo quarto éter contido no ar que respiramos.”

(Conceito Rosacruz do Cosmos, 3ª edição, p. 352-353).

Dentro dessa perspectiva, podemos compreender o motivo da Astrologia não considerar o nascimento de uma criança quando ela vem à luz, mas sim quando ela dá sua primeira respiração, pois é o momento em que as sutis influências dos Astros que permeiam o ar naquele lugar entram no organismo da criança e se gravam em seus átomos.

Embora essa primeira impressão seja muito poderosa e influente durante toda a vida, é importante lembrar que os Astros estão em constante movimento, o que inevitavelmente sempre modifica as condições do ar que nos envolve e nos convida a mudar os rumos do barco de nossa existência. 

Mais do que isso, é importante que nos conscientizemos da nossa própria influência neste ar que nos permeia, pois ainda que cada ambiente nos envolva em uma atmosfera que lhe é própria a cada momento, somos responsáveis por modificá-la pelo simples fato de respirarmos, pois nesse processo não absorvemos apenas o que está fora de nós, mas também colocamos para fora o que existe dentro de nós, fato que nos convida a meditar sobre uma importante palavra: RESPONSABILIDADE.

“(…) o que contamina o homem não é o que entra na boca, mas o que sai da boca, isso é o que contamina o homem.” Mateus, 15:11.

“Porque do coração procedem os maus pensamentos, mortes, adultérios, prostituição, furtos, falsos testemunhos e blasfêmias.” Mateus, 15:19.

Nesse sentido, como é inevitável deixarmos impressões gravadas nos lugares em que passamos e nos corações das pessoas que encontramos, finalizamos com a retomada de nossas perguntas iniciais:

Como você está respirando a vida? 

Já prestou atenção nos frutos da sua respiração hoje?

Que as Rosas Floresçam em Vossa Cruz!

0 responses on "Respirando a vida"

    Leave a Message

    Copyright © 2018 Fraternidade Rosacruz - Sede Central do Brasil. Todos os Direitos Reservados.

    X
    %d blogueiros gostam disto: