Urano, o Planeta do Altruísmo

Astrologia | 27/03/2019

Regente de Aquário

O raio de amor de Vênus exterioriza-se nas ligações amorosas e nas relações consanguíneas, mas por um bom aspecto de Urano é elevado em proporções cósmicas, para além do reino do amor sexual, para um amor tal como aquele que Cristo deve ter sentido quando pranteou Jerusalém dizendo que, do mesmo modo que uma galinha junta sua ninhada debaixo das asas, assim ele gostaria de juntar a todos em seu regaço. As pessoas com este amor uraniano tornam-se portanto construtores da sociedade, ligados a todos os movimentos bons e de natureza elevada. Um aspecto adverso de Urano com Vênus tem, por outro lado, o mais degradante efeito sobre a função do segundo, pois conduz ao menosprezo das leis e con­vençoes sociais e à perversão da sagrada função criadora.

Amor é uma palavra da qual multo se abusa, e a emoção que chamamos de “amor” geralmente é maculada pelo desejo, que é mais paixão marciana, do que amor venusiano. Coalizão, palavra-chave de Vênus, sugere uma união mais íntima, a combinação das almas de duas ou mais pessoas que compõem uma família. Mas Altruísmo, palavra-chave de Urano, indica um amor tão abrangente como o que nosso Salvador sentiu. Assim, Urano é a oitava de Vênus, e qualquer pessoa disposta a entrar na senda preparatória que conduz à iniciação, deve aprender gradual­mente a superar o amor de Vênus, que faz da própria família um objetivo único, e começar a cultivar o altruísmo uraniano de abrangência universal.

Esta meta é elevada e aqueles que almejam tão alto às vezes caem muito baixo. Quando tentamos transcender o amor de Vênus e cultivar o altruísmo uraniano corremos grande perigo, e as vidas mais promissoras são, às vezes, destroçadas pela perniciosa teoria das almas gêmeas, que conduz aos casos de amor clandestino e à perversão da função criadora. Mas é bom lembrar: o altruísmo não exige correspondência no amor con­cedido aos outros; ele absolutamente nada tem a ver com sexo, e nem pe­de diminuir o amor por nossa família, a qual, por estar mais perto de nós, sentir o aumento do nosso amor em grau muito maior do que sentem os que estão mais afastados, e a menos que nosso amor apresente tais fru­tos não seré uraniano e não nos fará progredir no caminho da realização.

Face a isto, podemos entender de imediato que a grande maioria da humanidade não pode ainda responder ao lado superior de Urano, portan­to seu efeito sobre a moral reflete-se principalmente na perversão sexual, nos casos de amor clandestino, no amor livre e no menosprezo ao conven­cionalismo, isto naturalmente quando aspectado por quadraturas e opo­sições. Sob tais condições Urano torna as pessoas inconvencionais e excêntricas, rebeldes à mfnima restrição, muito independentes, bruscas em seus modos, com gosto para trabalhos pioneiros e investigação de coisas incomuns.

Tais pessoas são atraídas para a mecânica superior, para a ele­tricidade, para a aviação e coisas afins, e or­gulham-se de suas capacidades. Sobressaem em literatura, ciência, filosofia e especialmente nas práticas ocultistas. Urano proporciona também elevado grau de gênio musical quando aspectado com Vênus e se Urano estiver fortalecido por posição e aspectos pode qualificar o indiví­duo para liderança de um modo fora do comum. Pode-se dizer também que os efeitos do raio de Urano são muito repentinos e imprevistos, tanto para o bem como para o mal. Eles chegam inesperadamente, como um raio caído do céu azul, e como respondemos mais facilmente ao seu lado mau, tais efeitos são geralmente desastrosos em sua natureza. Urano no Ascen­dente acrescenta comprimento ao corpo, de modo que os verdadeiros Ura­nianos geralmente são muito altos.

Livro: Mensagem das Estrelas – Max Heindel

27/03/2019

0 respostas em "Urano, o Planeta do Altruísmo"

    Deixe sua mensagem

    Copyright © 2018 Fraternidade Rosacruz - Sede Central do Brasil. Todos os Direitos Reservados.

    X
    %d blogueiros gostam disto: